Incontinência urinária na terceira idade: saiba quando procurar um urologista

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Quando o idoso fica muito tempo em casa, sem participar de atividades sociais, com um comportamento mais retraído, pode ser um sinal da incontinência urinária. Muitas pessoas acham que para a terceira idade, ela é inevitável, mas esse é um mito que envolve essa faixa etária.

São causas variadas que podem indicar a incontinência urinária, sendo algumas simples de serem resolvidas e outras mais graves. Algumas medicações usadas são diuréticas e acabam causando o excesso de urina. Porém, alguns sinais podem indicar a necessidade de procurar por um Urologista Manaus.

Causas da incontinência urinária

O envelhecer acaba prejudicando a capacidade de conseguir adiar a urina, sendo um fator que influencia. Também há casos em que o músculo da bexiga acabe ficando mais sensível com o passar dos anos, mas é algo que pode ser resolvido com o fortalecimento da musculatura pélvica e também com cirurgia.

Há também riscos de que a incontinência urinária seja um sinal de que há problemas com câncer de próstata. Pode indicar também que o idoso está um pouco confuso e não está conseguindo perceber que há a necessidade de visitar o banheiro. Por ter diversas causas diferentes, é importante procurar um especialista.

Como tem diversas causas, a necessidade é procurar por um urologista que vá conseguir diagnosticar e encontrar a raiz do problema. Com uma visão específica do paciente, vai conseguir tratar a incontinência, buscando meios para conseguir resolver a questão com algum tratamento.

Na terceira idade, a incontinência urinária não deve ser vista como um problema natural. Nessa situação, alguns idosos acabam se isolando, passando pela depressão e reduzindo os seus movimentos. Isso acaba causando uma perda de massa magra, além de outros diversos problemas.

Outro ponto é que perder urina também pode resultar em uma infecção urinária bem grave. Por conta disso, ao perceber os principais sintomas, é muito importante já procurar por um médico para recuperar a qualidade de vida.

Prevenção da incontinência urinária

Caso a incontinência urinária já seja uma realidade, é importante procurar ter novos cuidados na rotina. Ter uma boa higienização para os casos de umidade excessiva, o que pode causar uma nova infecção. Uma outra dica é esvaziar a bexiga quando sentir vontade. Quando for beber água, buscar o banheiro em seguida.

A incontinência urinaria acaba atrapalhando muito a vida das pessoas, perdendo em qualidade de vida. O idoso acaba não percebendo que precisa urinar e acaba fazendo isso de maneira involuntária. Esse é um problema que pode aparecer em qualquer idade também, não sendo exclusivo da terceira idade.

Alguns fatores de risco também podem influenciar no surgimento da incontinência urinária, como ser obeso, fumar. A pessoa que está acima do peso e começa a tossir, faz uma força maior sobre a bexiga, sendo um esforço maior do que uma pessoa magra. Essa pressão é maior do que a uretra consegue aguentar.

Veja Mais

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *